Maço 11

Description level
Instalation unit Instalation unit
Reference code
PT/TT/TSO/0011
Title type
Formal
Date range
1564 Date is certain to 1820 Date is certain
Dimension and support
185 doc. e mct. (344 f., 15 f. em branco); papel
Custodial history
A documentação deste maço apresenta-se separada em capilhas que podem conter documentos simples, ou documentos compostos ou macetes, como resultado de procedimentos seguidos ao longo do tempo.

Em 2009, perante a desorganização encontrada dentro desta unidade de instalação, os documentos foram separados e acondicionados em capilhas, tendo sido numeradas sequencialmente, tal como o foram os respectivos conteúdos (desde que apresentassem dois ou mais fólios escritos e estivessem desprovidos de foliação original), de modo a possibilitar o mínimo de controlo físico.

Contém documentos truncados.

Trabalho desenvolvido por Anabela Antunes (Torre do Tombo) e descrição elaborada por Maria Filomena Carvalho (Torre do Tombo).
Scope and content
Todo o conteúdo deste maço foi encontrado com atribuição exclusiva à Inquisição de Lisboa, embora certos indícios nos façam supor que alguns dos documentos pertencerão a outras Inquisições, ou até mesmo ao Conselho Geral do Santo Ofício.

Contém documentos relativos ao Juízo do Fisco de Coimbra, de Lisboa (requerimento D. Filipa de Noronha, viúva de D. Luís Coutinho, parecer).

Inclui requerimentos sobre finta para as obras da Igreja de S. Nicolau, de Teodósio Pereira de Faria para imprimir a novela "O Ilustre Persa", de Manuel José da Silveira Lara para imprimir a obra "Parvum Lexicon Latino Lusitanum Lit.", de presos sentenciados pela Inquisição de Coimbra vindos para Lisboa e degredados para o Brasil, comutações de penas, sobre um preso estrangeiro, da presa Ana Maria Ferreira, natural do arcebispado do Porto, dos padres da Ordem de Santo Agostinho, do preso padre Manuel Botelho e provisão do bispo D. Frei José de Lencastre inquisidor geral, de João de Oliveira Banha para ingressar na Ordem Religiosa do Carmo Calçado, do padre Urbano Gomes, notário do secreto da Inquisição de Goa, a solicitar aposentadoria de Cipriano José de Amorim), avisos régios, rascunho do aviso do bispo D. Pedro de Castilho sobre o teor do Breve de Paulo V, pareceres (sobre o preso António Rodrigues de Oliveira, sobre a condenação de um réu falecido), certidões, correspondência (entre o Brasil, dos inquisidores para o inquisidor geral, da Inquisição de Évora, para o rei acerca das razões para criar familiares supranumerários, remetida de Roma de um autor não identificado aludindo a hebreus e ao cardeal Barberini), mapa dos comissários e notários.

Inclui inquirições (da ilha da Madeira, entre outros), lista de ministros e secretários da Inquisição de Évora (1820), lista de pessoas despachadas e cujos processos decorrem, lista de desembargadores, auto de apresentação de uma comissão do Padre Frei Gaspar da Encarnação, missionário apostólico do Seminário de Varatojo, apontamentos (Papeis que dão notícia dos estilos e privilégios das Inquisições de Castela...", sobre a divulgação de um papel nesta cidade atribuído ao padre Vieira, de formulários), resolução do levantamento da suspensão do ofício de promotor da justiça eclesiástica da Vila de Tomar a favor de Lobo Rodrigues, recibos (relativo à festa de S. Pedro Mártir), procurações, provisões (de Nuno da Cunha cardeal inquisidor geral a autorizar a substituição do escrivão das confiscações e sequestros feitos na cidade do Porto, para o ofício de escrivão da visita das naus estrangeiras), denúncias, carta do arcebispo de Calcedónia para os inquisidores mandarem prender João Baltaglioli, armeno fazendo-se passar por bispo de Cafta, incluindo descrição física.

Contém também cópias da cartas do papa para o inquisidor geral de Espanha, de D. Filipe IV para os governadores de Portugal,

Integra correspondência, requerimentos (João Frederico, luterano de Guilherme Boman, escocês) e certidões "ad cautelam", passadas a João Smith, Frederico José Lock, Sarah Hil, inglesa, Maria Trish, entre outros).

Contém um texto de autor não identificado dirigido a um príncipe, expositivo de argumentação jurídica relativa ao direito da deposição de um Rei, no caso de não haver para o povo, segurança nas vidas, liberdades, honras e fazendas, devido à sua incapacidade mental de governar (1668)

Reúne um conjunto de "Papéis pertencentes ao bispo de Pinhel expedidos em 28 de Fevereiro de 1812"; parecer sobre os inconvenientes de nomear um cônsul que não fosse católico, do Reino de Inglaterra, dirigido ao Rei, convite do Tribunal do Santo Ofício para as exéquias do inquisidor geral D. José Maria de Melo, lista de familiares existentes na Vila de Messejana, comarca de Campo de Ourique, formulário dos editais para se porem rendas em hasta pública, entre outros.

Compreende documentos de receita e despesa (procuração dos inquisidores passada a António Domingos Salgado, abade de Vilar de Ossos, facturas da botica para o Santo Ofício, certidão de ajuda de custo, pensões dos bispados, contas do primeiro quartel para pagamento dos ministros do Conselho Geral e Oficiais).

Inclui um escrito de natureza mística intitulado "Disputatio Prima de Contemplatione et eius prima occupatione", no qual se mencionam vários autores e santos: Alberto Magno, beata Ângela de Foligno, entre outros.

Insere proposições sobre o ministério sacerdotal, expostas por João Gomes da Maia Rego, uma oração ao Anjo da Guarda para o primeiro dia da novena.

Inclui ainda correspondência remetida das inquisições de Coimbra e de Évora despachada pelo Conselho Geral do Santo Ofício.

Physical location
Tribunal do Santo Ofício, mç. 11
Previous location
Documentos por identificar
Language of the material
Português, latim
Type of container
Outro
Creation date
17/12/2009 00:00:00
Last modification
29/04/2011 21:48:32