Gaveta 11

Description level
Section Section
Reference code
PT/TT/GAV/11
Title type
Formal
Date range
1128-12-04 Date is uncertain to 1815-06-16 Date is uncertain
Dimension and support
11 mç. (371 doc.); perg., papel
Custodial history
Os documentos não apresentam a cota original de "Armário da Casa da Coroa".

O documento Gav. 11, mç. 1, n.º 33 passou para Gav. 11, mç. 2, n.º 19.

O documento Gav. 11, mç. 1, n.º 34 passou para Gav. 11, mç. 1, n.º 18.

O documento Gav. 11, mç. 1, n.º 35 passou para Gav. 11, mç. 1, n.º 14.

O documento Gav. 11, mç. 4, n.º 7 passou para Gav. 12, mç. 2, n.º 13.

O documento Gav. 11, mç. 4, n.º 8 passou para Gav. 10, mç. 3, n.º 8.

O documento Gav. 11, mç. 5, n.º 6 passou para Leis e Ordenações, mç. 1, n.º 184.

O documento Gav. 11, mç. 5, n.º 16 passou para Gav. 11, mç. 5, n.º 7.

O documento Gav. 11, mç. 7, n.º 8 passou para Gav. 10, mç. 12, n.º 17.

O documento Gav. 11, mç. 8, n.º 2 passou para Leis e Ordenações, maço 3, n.º 14.

O documento Gav. 11, mç. 8, n.º 8 passou para a Colecção Aclamações e Cortes, maço 4, n.º 6.

O documento Gav. 11, mç. 8, n.º 15 passou para a Colecção Aclamações e Cortes, Cortes, mç. 5, n.º 1.

O documento Gav. 11, mç. 8, n.º 27 passou para Leis e Ordenações, mç. 4, n.º 22.

O documento Gav. 11, mç. 8, n.º 29 passou para a Colecção Aclamações e Cortes, maço 1, n.º 8.

O documento Gav. 11, mç. 11, n.º 2 passou para Gav. 11, mç. 6, n.º 2.
Scope and content
Os maços desta Gaveta contêm maioritariamente documentos relativos a sentenças a favor da Coroa sobre a jurisdição do reino, de lugares, foros e cobrança de direitos e cartas de compra, escambo e composição e doações de várias tendas, herdades, vilas, aldeias e casas.

Contém documentos diversos entre os quais, certidão extraída da Torre do Tombo em virtude de um alvará de D. João I, a requerimento de Álvaro Pereira, vassalo do Rei, com o teor de escrituras das demarcações sobre os direitos dos reguengos de Melgaço e a sentença apostólica, na qual, a instâncias do príncipe D. Pedro, permitiu que o Estado Eclesiástico não fosse isento do tributo de quinhentos cruzados imposto por seis anos, para conservação de Portugal e suas conquistas e o foral da vila de Proença dado por D. Pedro, mestre da Cavalaria da Ordem do Templo.
Language of the material
Português, latim e espanhol.
Creation date
1/4/2011 12:00:00 AM
Last modification
1/5/2015 3:08:42 PM