A Gonçalo Nunes, escudeiro e alcaide pequeno da fortaleza de Torres Novas foi dada carta de perdão, a pedido do suplicante, que enviou dizer que tendo preso na dita fortaleza um Jorge Machado, outrossim escudeiro, morador na dita vila por certas culpas de devassas por que era acusado.

Description level
Item Item
Reference code
PT/TT/CHR/K/29/108-403V
Title type
Formal
Date range
1498-07-08 Date is certain to 1498-07-08 Date is certain
Dimension and support
56 linhas
Extents
56 Livros
Scope and content
Mas as partes não o quiseram acusar e ele continuou preso, à guarda de Gonçalo Nunes, tendo um dia fugido. Por isso o suplicante vinha pedir ao rei que lhe perdoasse, o que aconteceu, contanto que ele pagasse 2.000 reais para a Piedade, que logo pagou a frei Fernando, esmoler, como se comprova por um seu assinado e por outro de Álvaro Fernandes, capelão. El-rei e Principe o mandou pelos D. Pedro, Bispo da Guarda e seu capelão mor, e Fernão Roiz, deão de Coimbra, ambos do seu conselho e desembargo e seus desembargadores do Paço. Francisco Dias a fez. E porquanto ao assinar desta carta aqui não era presente o Bispo da Guarda, assinou o doutor Gonçalo de Azevedo, outrossim desembargador do Paço.
Physical location
Chancelaria de D. Manuel I, liv. 29, fl. 108v
Creation date
4/29/2011 12:00:00 AM
Last modification
4/29/2011 9:50:00 PM
Record not reviewed.