Estabelecimento de uma tença de 150 mil reais, que o rei manda assentar e pagar no almoxarifado de Setúbal pelas rendas do Ribatejo.

Description level
Item Item
Reference code
PT/TT/CHR/K/29/113-417
Title type
Formal
Date range
1498-03-24 Date is certain to 1498-03-24 Date is certain
Dimension and support
35 linhas
Extents
35 Livros
Scope and content
Isto acontece porque no ano de 497 foram desembargados à Senhora Infanta D. Beatriz, na Casa da Mina, 2 contos e 650 mil reais que monta em 10 mil fioris, que ela pediu que fossem pagos dos 30 mil que deveria receber D. Filipa. E "foram logo estes 10 mil fioris desmembrados e tirados do contrato e obrigação que dele tinha e por algumas necessidades de nossa fazenda não podemos mandar pagar dos ditos dinheiros mais que 854.370 reais nem agora podemos pagar os 1.795.530 reais que ficaram por pagar para cumprimento dos 2 contos e 650 mil reais". Por isso lhe foi dada a referida tença, desde o 1º de Janeiro de 1499 em diante, e isto enquanto ela tiver os ditos dinheiros em si e vendendo-os ou herdando-os outrém por falecimento de Sua Senhora não haverá aqueles que os herdar ou comprar mais que aquilo que montar de tença do dito 1.795.530 reais, que são 92.825 reais de tença. Pagos os dinheiros em dívida, cessará a tença. Silvestre Nunes a fez.
Physical location
Chancelaria de D. Manuel I, liv. 29, fl. 113
Creation date
2/8/2008 12:00:00 AM
Last modification
4/29/2011 9:50:00 PM
Record not reviewed.