Presidência do Conselho de Ministros

Description level
Fonds Fonds
Reference code
PT/TT/SGPCM
Title type
Atribuído
Date range
1932 Date is certain to 1974 Date is certain
Dimension and support
1761 u.i. (1469 cx., 1 disco, 1 bobine audio), papel, vinil, banda magnética, provas fotográficas.
Biography or history
Na primeira fase do Estado Novo, sobretudo a partir da promulgação da Constituição Política da República Portuguesa de 1933, a Presidência do Conselho de Ministros tornou-se uma superestrutura ao serviço do poder executivo, que viu deste modo alargadas as suas competências e reforçados os mecanismos de controle político. A concentração de organismos e de serviços na Presidência do Conselho abriu caminho à reforma do Estado.

Junto da Presidência do Conselho funcionou o Subsecretariado de Estado das Corporações e Previdência Social, criado em 1933, com a finalidade de concretizar a corporativização do regime, e o Conselho Corporativo, incumbido de estudar as orientações a seguir na organização corporativa e de imprimir unidade de acção aos serviços públicos envolvidos nessa organização.

No âmbito da Presidência do Conselho foi constituído, em 1933, o Secretariado de Propaganda Nacional, com a função de dirigir centralmente a informação interna e externa relativa à actuação dos vários Ministérios.

Na mesma dependência funcionaram, desde 1933, o Supremo Tribunal Administrativo e, a partir de 1935, a Secretaria da Assembleia Nacional.

Em 1940, os Serviços de Censura do Ministério do Interior transitaram para a tutela do Gabinete de Coordenação dos Serviços de Propaganda e Informação da Presidência do Conselho. A partir de 1944, a Presidência do Conselho concentrou, através do Secretariado Nacional de Informação e Cultura Popular, os referidos Serviços de Censura, as funções do extinto Secretariado de Propaganda Nacional, a Emissora Nacional e a Inspecção Geral dos Espectáculos.

As décadas de 50 e 60 caracterizaram-se pela crescente especialização e complexificação dos organismos e serviços de assessoramento, estudo e coordenação da Presidência do Conselho, que procuraram dar resposta a novos problemas de política económica, de segurança pública e de defesa nacional, suscitados pelo contexto internacional do pós-guerra, pelos compromissos decorrentes da adesão de Portugal ao Tratado do Atlântico Norte e pela guerra colonial.

Neste sentido foi constituída em 1949, por decisão do Conselho de Ministros para o Comércio Externo, a Comissão Técnica de Cooperação Económica Europeia, a fim de assegurar a representação permanente de Portugal junto da Organização Europeia de Cooperação Económica e de apoiar a delegação especial da European Cooperation Administration em Portugal.

Em 1950, na sequência de alterações introduzidas na orgânica do Governo, o Subsecretariado de Estado das Corporações e Previdência Social foi extinto e os serviços respectivos transitaram para o novo Ministério das Coporações e Previdência Social.

Na mesma data passaram para a dependência da Presidência do Conselho o Instituto Nacional de Estatística, a Comissão Técnica de Cooperação Económica Europeia e o Fundo de Fomento Nacional.

A partir de 1950, por efeito da referida reorganização, a Presidência do Conselho passou a integrar os cargos dos Ministros da Presidência e da Defesa Nacional.

Ao Ministro da Presidência incumbia, cumulativamente com o Presidente do Conselho e por delegação deste, a superitendência e o despacho nos organismos e serviços dependentes da Presidência do Conselho.

As mudanças na orgânica governamental efectuadas em 1950 consignaram também novas responsabilidades para a Presidência do Conselho em matéria de política de defesa nacional. Concretamente, cabia ao Ministro da Defesa Nacional a coordenação dos problemas da política militar e das questões relativas à defesa do País, que corriam pelos Ministérios do Exército e da Marinha, bem como a superintendência do Secretariado Geral da Defesa Nacional e do Subsecretariado de Estado da Aeronáutica.

Dependiam da Presidência do Conselho, ainda no âmbito da política de defesa, o Conselho Superior de Defesa Nacional, a Junta de Energia Nuclear e a Comissão de Estudos de Energia Nuclear.

A Presidência do Conselho passou a ter funções acrescidas em matéria de política económica com a constituição do Conselho Económico, em 1957, da Comissão Interministerial do Plano de Fomento, em 1959, do Conselho de Ministros para os Assuntos Económicos, da Comissão Consultiva de Política Económica, da Comissão Interministerial de Planeamento e Integração Económica e do Secretariado Técnico da Presidência do Conselho, em 1962. A coordenação deste sector foi uma atribuição do Subsecretariado de Estado do Planeamento Económico, constituído em 1969.

Na esfera da política económica foram ainda criados na Presidência do Conselho, o Gabinete da Área de Sines, em 1971, destinado a promover o desenvolvimento urbano industrial na respectiva zona, e em 1972, a Inspecção de Gestão das Participações do Estado e o Conselho Nacional de Produtividade.

A partir da década de 60, a Presidência do Conselho assumiu-se ainda como centro de excelência da actividade política-administrativa. O Secretariado da Reforma Administrativa, criado em 1967, foi o órgão central incumbido de estudar, planear, coordenar e acompanhar a execução das providências tendentes a promover o aperfeiçoamento da administração pública e a melhoria da produtividade dos respectivos serviços. A este organismo sucedeu, em 1973, o Secretariado da Administração Pública, destinado a prosseguir a tarefa de aperfeiçoar e modernizar a referida administração.

Com a substituição de Salazar por Marcello Caetano no cargo de Presidente do Conselho de Ministros, em 1968, as funções e competências dos organismos que integravam a Presidência do Conselho não sofreram alterações substantivas. Estas só ocorreriam em 1974.

A Lei nº 1, de 25 de Abril de 1974, exonerou o Presidente do Conselho, destituiu o Presidente da República e dissolveu a Assembleia Nacional e o Conselho de Estado. Os poderes desses órgãos passaram a ser exercidos pela Junta de Salvação Nacional, mandatada pelo Movimento das Forças Armadas.

Imediatamente após a ruptura causada pela Revolução de 25 de Abril, o Movimento das Forças Armadas iniciou o saneamento político das instituições do Estado Novo e a reestruturação do aparelho de Estado em função da nova ordem democrática. Com essa finalidade, foi criada na Presidência do Conselho de Ministros uma Comissão Interministerial de Reclassificação, encarregada de estudar e apresentar aos Ministros competentes propostas para a suspensão, transferência, aposentação ou demissão de servidores civis do Estado, serviços e empresas públicas, autarquias e demais pessoas colectivas de direito público.
Custodial history
Este fundo foi incorporado no IAN/TT em duas ocasiões, nomeadamente, em 17 de Janeiro de 1992 (por força do Decreto-Lei n.º 279/91, de 9 de Agosto), e em 24 de Abril de 2004.
Scope and content
A documentação da Presidência do Conselho de Ministros existente no Instituto dos Arquivos Nacionais/Torre do Tombo compreende a documentação produzida pelos Gabinete de Oliveira Salazar, Gabinete de Marcello Caetano, outros gabinetes ministeriais e pela Secretaria-Geral da Presidência do Conselho de Ministros.
Arrangement
Documentação organizada segundo critérios orgânicos e funcionais.
Access restrictions
Dec.-lei nº279/91 de 09/08/1991 - Artº 3º - O Arquivo só está aberto à consulta pública depois de concluídas as acções previstas e nunca antes de decorrido um prazo de 25 anos sobre a morte dos seus titulares.

Esta documentação só estará comunicavel a partir do mês de Setembro de 2009, sendo disponibilizada para consulta de forma faseada e de acordo com a conclusão dos trabalhos prévios de foliação das unidades arquivísticas em curso.
Conditions governing use
Constantes no regulamento interno que prevê algumas restrições tendo em conta o tipo dos documentos, o seu estado de conservação ou o fim a que se destina a reprodução de documentos, analisado, caso a caso, pelo serviço de reprografia, de acordo com as normas que regulam os direitos de propriedade do ANTT e a legislação sobre direitos de autor e direitos conexos.
Other finding aid
Guias e Roteiros:

PORTUGAL. Instituto dos Arquivos Nacionais / Torre do Tombo. Direcção de Serviços de Arquivística - "Presidência do Conselho de Ministros". in Guia Geral dos Fundos da Torre do Tombo: Instituições Contemporâneas. Coord. Maria do Carmo Jasmins Dias Farinha [et al.]; elab. Fernando Emílio Carapinha e Maria Madalena Garcia em 2002; fot. José António Silva.Lisboa: IAN/TT, 2004. vol. V. (Instrumentos de Descrição Documental). ISBN 972-8107-83-8. p. 192-197. Acessível no IAN/TT, IDD (L602/5).
Related material
Relação complementar: Arquivo Salazar (PT-TT-AOS)
Publication notes
DECRETO-LEI nº 21 444/32 D.G. I Série (32-07-05) [Nomeação de A. O. Salazar para o cargo de Presidente do Ministério]
DECRETO-LEI nº 22 241/33 D.G. I Série (33-02-22) [Promulgação do Projecto de Constituição Política da República Portuguesa]
DECRETO-LEI nº 22 428/33. D.G. I Série (33-04-10) [Criação, na dependência da Presidência do Conselho, do cargo de Subsecretário de Estado das Corporações e Previdência Social]
DECRETO-LEI nº 23 048/33. D.G. I Série (33-09-23) [Promulgação do Estatuto do Trabalho Nacional]
DECRETO-LEI nº 23 053/33. D.G. I Série (33-09-23) [Constituição do Instituto Nacional de Trabalho e Previdência]
DECRETO-LEI nº 25 495/35. D.G. I Série (35-06-13) [Criação da Fundação Nacional para a Alegria no Trabalho]
DECRETO-LEI nº 23 054/33. D.G. I Série (33-09-25) [Criação, na dependência da Presidência do Conselho, do Secretariado de Propaganda Nacional]
DECRETO-LEI nº 23 185/33. D.G. I Série ( 33-10-30) [Constituição do Supremo Tribunal Administrativo]
DECRETO-LEI nº 24 362/34. D.G. I Série (34-08-34) [Criação do Conselho Corporativo]
DECRETO-LEI nº 24 833/35. D.G. I Série (35-01-02) [Passagem da Secretaria da Assembleia Nacional para a dependência da Presidência do Conselho]
DECRETO-LEI nº 26 782/36. D.G. I Série (36-07-13) [Criação do Conselho de Ministros para o Comércio Externo]
LEI nº 1 947/37. D.G. I Série ( 37-02-12) [Atribuições do Conselho de Ministros]
DECRETO-LEI nº 33 545/44. D.G. I Série (44-02-23) [Concentração no Secretariado de Informação e Cultura Popular dos serviços de turismo nacional e de imprensa]
LEI nº 2 005/45. D.G. I Série ( 45-03-14) [Atribuições do Conselho de Ministros]
DECRETO-LEI nº 37 909/50. D.G. I Série (50-08-01) [Criação dos cargos de ministro da Presidência e de ministro da Defesa Nacional. Extinção do Subsecretariado de Estado das Corporações e Previdência Social]
LEI nº 2052/52. D.G. I Série (52-01-15) [Reorganização do Conselho Superior da Defesa Nacional]
DECRETO-LEI nº 39 580/54. D.G. I Série (54-03-29) [Criação da Junta de Energia Nuclear e da Comissão de Estudos de Energia Nuclear]
LEI nº 2 084/56, D.G. I Série (56-08-16] [Consignação de atribuições do Ministro da Presidência e de preceitos reguladores da Defesa]
LEI nº 2 058/57, I Série (57-12-29) [Criação do Conselho Económico]
DECRETO-LEI nº 421 539/59. D.G. I Série (59-09-29) [Criação da Comissão Interministerial de Segurança]
DECRETO-LEI nº 42 593/59. D.G. I Série (59-10-19) [Criação da Comissão Interministerial do Plano de Fomento]
DECRETO-LEI nº 44 652/62. D.G. I Série (62-10-27) [Criação do Conselho de Ministros para os Assuntos Económicos, da Comissão Consultiva de Política Económica e do Secretariado Técnico da Presidência do Conselho]
DECRETO-LEI nº 44 944/63. D.G. I Série (63-03-29) [Extinção da Inspecção Superior do Plano de Fomento]
DECRETO-LEI nº 48 058. D.G. I Série. (67-11-23) [Criação do Secretariado da Reforma Administrativa]
DECRETO-LEI nº 48 301/68. D.G. I Série ( 68-03-30) [Criação do Centro de Estudos e Planeamento]
DECRETO-LEI nº 48 597/68. D.G. I Série (68-09-27) [Exoneração de António de Oliveira Salazar do cargo de Presidente do Conselho e nomeação de Marcello José das Neves Alves Caetano para o mesmo cargo]
DECRETO-LEI nº 265/73. D.G. I Série (73-05-29) [Cria o Secretariado da Administração Pública]
LEI nº 1/74. I Série (74-04-25) [Destituição do Presidente da República e do Governo e dissolução da Assembleia Nacional, passando todos os poderes atribuídos aos referidos órgãos a ser exercidos pela Junta de Salvação Nacional]
DECRETO-LEI nº 162/83, D.G., I Série (83-04-22) [Extinção dos órgãos e serviços do Conselho da Revolução. Criação da junto da Secretaria Geral da Presidência do Conselho de Ministros da Comissão Liquidatária dos Serviços de Apoio do Conselho da Revolução]
DECRETO-LEI nº 279/91, D.G., I Série (91-08-09) [Fixação de prazo para abertura pública do "Arquivo Salazar" e do "Arquivo Marcello Caetano"]
Notes
No Decreto-Lei n.º 279/91, de 9 de Agosto, a documentação relativa à primeira incorporação deste fundo foi designado como "arquivo do anterior Presidente do Conselho Prof. Doutor Marcello Caetano" ( citação adaptada, pois o texto legal refere-se em simultâneo a este fundo e ao Arquivo Salazar), podendo surgir a designação simplificada de "Arquivo Marcello Caetano".
Creation date
8/13/2009 12:00:00 AM
Last modification
6/6/2017 4:16:02 PM
Record not reviewed.